quinta-feira, 11 de setembro de 2014


''OBRIGADA''
__A minha alma com toda a sua fragilidade e transparência ficou exposta em Pedaços(Con)Sentidos ''autora'' Adelina Charneca ao mundo,à sensibilidade de verdadeiros amantes da poesia e também aos olhares ávidos de curiosos que apenas vivem do julgamento alheio e que de forma por vezes dura e cruel julgam, não por maldade, mas, por lerem atravessado sem o mínimo conhecimento das palavra...s expostas e muito menos do conteúdo das entrelinhas,preocupados que estão em desnudar a alma de quem escreve mais do que disfrutar do conteúdo em si.
__Cresci muito ,como poeta e sobretudo como mulher, como ser humano, como irmã dos meus iguais, julgo ter aprendido à chapada ,e por vezes aos trambolhões, mas aprendi...aprendi a amar melhor e com mais verdade,a amar o fundamental das pessoas...
Podem crer, amo o mundo meu e vosso hoje muito melhor , devo-o a vós que me julgasteis com tanta dureza e sobretudo aos que amando a poesia me fizeram crescer nela e na vida com amor.
Bem hajam queridos leitores.
Vossa humilde poeta.
Adelina Charneca

Sem comentários: