quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

 
...era da palavra sua escrava
e o verbo seu fiel servidor
somava 1+1=2
na matemática do amor,
era Abril sem primavera
raiz sem caule
montanha sem neve
orvalho sem vale,
era beijo sem lábios
rosa em botão sem canteiro,
teoria de sábios
erva de cheiro,
era sol sem calor
madrugadas sem amor
estrela sem fulgor!
Adelina Charneca

Sem comentários: