domingo, 16 de dezembro de 2012

Esquecer,não quero!



Esquecer não é uma decisão que se tome na vida e se aplique logo em seguida...
Esquecer é um propósito que se atinge ou não
Esquecer até me parece ser impossível,
apenas se arrumam sentimentos
dos quais já não nos queremos lembrar com frequência em algum lugar recôndito do ser
(dizem que é o cérebro)
e se for o coração dá no mesmo...
Pode até ser numa gaveta ,
um armário...
e aí se guardam essas memórias esquecidas(não vencidas).
Para atingir esse grau de qualquer coisa que não se entende bem
(eu não)
tem que se caminhar muito caminho,
tem que se descer muito degrau,
subir muitos km de sabedoria,
muitas vezes ,existir não existindo.
Para esquecer tem que se crescer na dor...
Tem que se ser adulto no viver...
E eu...
quero ser sempre’’MENINA’’...
como tal não quero esquecer
Eu não vou esquecer
Apenas,arrumarei no melhor lugar das minhas melhores lembranças!
Adelina Charneca

Sem comentários:

''PARA QUE NÃO DIGAM QUE NÃO FALEI DE POESIA'' Recordo o dia em que no mítico Teatro Tivoli se ouviram inesperadamente as pa...