quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Serei uma estrela que brilha lá no horizonte ou a lua que já espreita por detrás do sol poente talvez seja uma daquelas nuvens que se movem lá no céu ou sou tão só eu...apenas eu! Adelina Charneca

Sem comentários:

''PARA QUE NÃO DIGAM QUE NÃO FALEI DE POESIA'' Recordo o dia em que no mítico Teatro Tivoli se ouviram inesperadamente as pa...