domingo, 11 de novembro de 2012



(...)

...julgava ter perdido o coração
mas
agora reparo
ele está na tua mão...
...coração
mão...
sem razão
estou ,sem razão
para recuperar
...o coração
deixo-o ir
apenas
quero outro
em troca
sem razão para ficarmos
os dois...
corações
sem coração!
Adelina Charneca.

Sem comentários: