sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Nasceste como uma Primavera anunciada, chegas com um sol de Março ou Abril, conto as horas ao minuto, e deixo que no meu coração mores, bem lá no fundo. Adelina Charneca

Sem comentários: