sábado, 9 de maio de 2015


Eu só queria escrever um verso
onde se notasse todo o meu cansaço
tudo que me arrasa e dói neste mundo disperso
que dissesse tudo que não posso
que escrevesse por mim sem me fazer cansaço
um verso triste e magoado,
onde se lê-se a angustia dos meus olhos
a inaptidão das minhas mãos,
ou a frieza dos meus pés
um verso que ao ler se notasse ter saído de mim ,
mas não fosse escrito por mim,
nem por minha vontade
escrever sem pensar uma palavra
pensar e não ser capaz de escrever
um verso que fosse meu por ter sido escrito por mim~
mas,só falasse de ti,,
um verso que sendo escrito com amor
pudesse retratar toda a minha dor
um verso sem volta,sem reverso
um verso que fosse apenas isso...
Um simples verso!
Adelina Charneca 

Sem comentários: